Tecnoway da Rede Caminho do Saber é vencedora em categoria no Desafio nacional do SESI

Integrantes da escola foram os melhores na Apresentação com o projeto VSpray 

A equipe de robótica da Rede de Ensino Caminho do Saber foi a vencedora na categoria Apresentação do Desafio Relâmpago SESI – Volta às Aulas. A Tecnoway foi a única equipe gaúcha a ganhar uma premiação nesta competição nacional. No total, eram 120 equipes participantes de todo o país. Dessas, 18 foram para final e 7 foram premiadas no desafio.

A divulgação dos resultados foi nesta quarta-feira (16/12) em uma cerimônia virtual organizada pelo SESI com a presença de todos os finalistas. Como os próprios juízes afirmaram, a Tecnoway foi a vencedora nesta categoria, pois surpreendeu com criatividade e espontaneidade na apresentação da proposta, trazendo uma narrativa sensacional e exploração nota 10 do tema.

Na apresentação, os alunos da Caminho do Saber contaram a ideia do projeto através de personagens natalinos: o Papai Noel e seus ajudantes. E, dessa forma, encantaram os jurados e saíram vencedores. “Estamos radiantes com essa vitória. É muito gratificante ser vencedor em um ano tão diferente, em que as competições de robótica também precisaram se adaptar à pandemia. Conseguimos desenvolver um ótimo projeto, nos adaptando para um trabalho em equipe virtual e à distância, e garantimos mais um lindo resultado para a escola”, conta Alexandra Colvara, vice-diretora de Tecnologia da Rede Caminho do Saber e técnica da Tecnoway.

O Desafio Relâmpago do SESI visava identificar projetos que trouxessem soluções para problemas identificados na retomada das aulas presenciais em relação à pandemia. Por isso, a Tecnoway criou o VSpray, um equipamento desenvolvido para higienizar as salas de aula de maneira rápida e eficaz.

Esse produto seria utilizado como uma névoa nos ambientes formada por peróxido de hidrogênio, material indicado pela ANVISA para limpeza de superfícies, diferente de outros que vêm sendo utilizado e não têm a mesma eficácia comprovada. Além disso, a Tecnoway desenvolveu uma montagem diferenciada do VSpray: o equipamento espalharia a névoa automaticamente, sem precisar de uma pessoa para manuseio, facilitando o uso para as escolas.

A Tecnoway já iniciou um protótipo do VSpray e deve continuar com pesquisas para colocar o projeto em prática.

Fotos: Divulgação Escola

DIVULGAÇÃO:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *