Empresas Randon realizam doação de lenha ao Lar da Velhice São Francisco de Assis

Três caminhões carregados de madeira foram destinados à instituição em Caxias do Sul (RS); ação integra Projeto Florestar, de preservação ambiental

 As Empresas Randon estão promovendo a doação de três caminhões carregados de lenha ao Lar da Velhice São Francisco de Assis. A instituição, localizada em Caxias do Sul (RS), atende cerca de 70 idosos. Vinculada ao projeto “Florestar: Plantando o futuro”, a ação é parte de um conjunto de medidas de compensação ambiental decorrentes das obras de ampliação do Centro Tecnológico Randon (CTR), que inaugurou em outubro de 2020 uma nova área de ensaios veiculares dinâmicos. Parte da madeira obtida neste processo foi destinada à instituição de atendimento de idosos, e o restante será beneficiado para utilização em outras atividades do projeto.

Desenvolvido pelo CTR em conjunto com o Instituto Elisabetha Randon (IER), o Florestar é uma iniciativa inédita no Rio Grande do Sul, que busca estimular a cultura de preservação ambiental por meio de vivências de cuidado e conservação. O projeto envolve cerca de 40 crianças e adolescentes de Farroupilha (RS), atendidos pelo Programa Florescer, do IER. Eles participam da implantação de um horto florestal de espécies nativas, para a recuperação ambiental, desde a coleta das sementes, ao longo do seu desenvolvimento e tratos culturais necessários para preparar a muda para o plantio em local definitivo.

Na primeira etapa do projeto, foi realizado o plantio de mais de 200 mudas de araucárias. Os jovens que participam da iniciativa também coletaram cerca de 500 sementes de dez diferentes espécies de árvores. A coleta foi realizada em mais de 100 locais no entorno da Serra Gaúcha, onde estão sendo realizadas as ações, com o acompanhamento pela equipe de biólogos, educadores e assistentes sociais.

As atividades com as crianças e adolescentes seguem sendo desenvolvidas, respeitando as medidas de distanciamento social vigentes, com as ações de conscientização, orientações sobre os cuidados com as mudas recebidas, formas de manejo, e promoção de conteúdos educativos sobre a preservação ambiental da fauna e da flora. O Florestar conta com financiamento da Secretaria de Trabalho e Assistência Social do Governo do Estado do Rio Grande do Sul.

Divulgação Sabe Caxias:

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *