Prolar realiza segunda edição do Prolar Summit com o tema Transformação Digital: nossa mudança começa agora

Corretores de imóveis e funcionários da imobiliária participam de palestras ao longo de toda a semana para entender e aplicar a transformação digital no mercado imobiliário

2º Prolar Summit busca sensibilizar a equipe da Prolar para o processo de transformação digital com foco no mercado imobiliário
Crédito: Letícia Borges Zilli

Com a cultura digital entre os propósitos do negócio, a Prolar Imobiliária Inteligente promove nesta semana a segunda edição do Prolar Summit, confirmando sua posição de vanguarda entre as imobiliárias da Serra Gaúcha que mais investem no processo de transformação digital e em soluções tecnológicas para proporcionar experiências inovadoras e acolhedoras aos clientes na região.

Com o tema “Transformação Digital: nossa mudança começa agora”, o evento acontece na agência de Lourdes, em Caxias do Sul, de 18 a 22 de novembro. Durante toda a semana, os mais de 50 profissionais incluindo funcionários e corretores de imóveis participam de palestras de sensibilização em torno de um importante propósito: falar sobre transformação e cultura digital com foco no mercado imobiliário. As discussões versam sobre temas que passam por propósito e cultura digital, futuro do setor imobiliário, impacto das novas tecnologias, métodos ágeis e segurança da informação com a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). No final do Prolar Summit, serão criados grupos de trabalho para o fomento de ideias e sugestões alinhadas ao fortalecimento da transformação digital na Prolar.

“O Prolar Summit tem por objetivo promover aos colaboradores da Prolar entendimento do cenário que envolve o presente e o futuro do mercado imobiliário, bem como qual o posicionamento da empresa ante essa realidade, o que estamos fazendo e o que faremos, considerando a tecnologia como um meio, onde o ser humano está no centro como foco do processo de transformação digital, a fim de gerar a melhor experiência na jornada com os nossos serviços”, pontua o diretor-executivo Fernando Gonçalves dos Reis.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *