Poesia: …branco e preto…Por Duni B.

99Noite inteira eu passo sonhando

Com um velho amor acabado

Hoje eu não penso mais em você meu bem

O meu uísque foi todo entornado…

eu já nem bebo mais….

 

A minha pedra está desarmada…

eu sonho o sono tranquilo…

o bom burguês, próspero empresário…

o esforço do bom marido.

Onde eu já não sei, onde está….

 

Quero jogar as flores no asfalto…

só pra te ver de novo comigo…

onde você enfiou o seu salto..

estava o centro do meu umbigo..

onde eu já não sei, onde está…

 

Você vai trirar fotos de novo.

eu canto e não vejo nada

e depois por as flores na sala

enquanto eu ralho contigo…

 

quero voltar para a velha estrada…

eu hoje ando meio contido

tudo bem, tudo mal, tudo nada…

nada mais que seja proibido…

que seja proibido….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *