“Vou me embora pra Atibaia” – por Miguel Brambilla

hqdefaultParódia que os “amigões” do cidadão comum Lula, diziam na hora da farra, cantando como os Sete Anões. “VOU ME EMBORA PRA ATIBAIA. LÁ SOU AMIGO DO REI. NA PETROBRÁS A DIRETORIA QUE EU QUERO, E A PROPINA QUE ESCOLHEREI”. Mas daí veio a “Lava Jato”, a “Zelotes”, as pressões do povo, as delações premiadas e alguém simplesmente honesto, como o Juíz Sérgio Moro começou a agir. Os petistas dizem para os seus “porquinhos” que o tal do Moro é o ‘Lobo Mau e é filiado no PSDB”, e que ele diz: “Eu sopro, eu sopro e vai tudo pro ar…” Mas, por que se eles não devem não cantam: “Quem tem medo do lobo mau?” No Brasil, os valores são mesmo distorcidos. Talvez seja como o vinho dos romanos que era contaminado com o chumbo dos galões. Deve ser a água da cerveja que vem do tietê e dos rios contaminados pela Samarco. Sei lá. As vezes a ironia toma conta da minha alma de forma profundamente irritante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *