CAXIAS CONTRA O AEDES: EXÉRCITO INICIA VISITA AOS DOMICÍLIOS

DSC_0022Até o dia 18 de fevereiro, militares do 3º GAAAe vão acompanhar agentes de endemias no combate ao mosquito

A Prefeitura de Caxias do Sul, por meio da Secretaria da Saúde – Vigilância em Saúde,informa que iniciou nesta quinta-feira (21.01) o trabalho dos militares do 3º Grupo de Artilharia Antiaérea (3º GAAAe) em conjunto com Agentes de Endemias. Eles farão vistorias em domicílios a procura de focos e/ou criadouros do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, febre chikungunya e zika vírus.

Até o dia 18 de fevereiro, diariamente, o 3º GAAAe vai disponibilizar 12 militares que vão atuar nos bairros Jardim América, São Vicente, Jardelino Ramos, Pio X, Centro, 1º de maio, São Pelegrino e Marechal Floriano.

Esta iniciativa faz parte da força-tarefa “Caxias contra o Aedes”, instituída pelo Prefeito Alceu Barbosa Velho. O exército compõe o grupo de executores de ações de combate ao Aedes aegypti.

Força-tarefa “Caxias contra o Aedes”: A força-tarefa foi instituída com o objetivo de mobilizar as forças da comunidade caxiense para combater o mosquito vetor das três doenças que assolam o país.

A força-tarefa é composta por secretarias, autarquias, 5ª Coordenadoria Regional da Saúde, lideranças comunitárias e empresariais, órgãos representativos da sociedade como sindicatos, hospitais, planos de saúdes, igrejas, UAB, empresas, escolas, faculdades, conselhos municipais, associações e demais entidades ligadas à saúde. Os integrantes da força-tarefa foram em grupos de trabalho. Confira:

Grupo 1 – Apoiadores

Para suporte legal, supervisão técnica e infraestrutura (equipamentos). Formado pelo Ministério da Saúde, Secretaria Estadual da Saúde, 5º Coordenadoria Regional da Saúde, Câmara de Vereadores, Defensoria Pública, Ministério Público Estadual e Federal, promotores de Justiça e Procuradoria-Geral do Município.

Grupo 2 – Capacitadores

Capacitações fornecidas pela Secretaria Municipal da Saúde para a questão ambiental ou assistencial. Formado pela Secretaria Municipal da Educação/4ª Coordenadoria Regional da Educação, universidades, hospitais e Secretaria Municipal da Saúde.


Grupo 3 – Multiplicadores

Instrumentalizar as entidades para passar informações à população e aos seus segmentos, com capacitações fornecidas pela Secretaria Municipal da Saúde. Formado pela imprensa, secretarias municipais, Câmara de Vereadores – Comissão de Saúde, conselhos municipais, associações e conselhos profissionais, sindicatos, entidades empresariais, UAB, igrejas, pastorais, planos de saúde e movimentos sociais.


Grupos 4 – Executores de Ações de Combate ao Aedes Aegypti

Eliminar criadouros e orientar a população, com capacitações fornecidas pela Secretaria Municipal da Saúde. Formado pelo Exército, Brigada Militar, Polícia Civil, Bombeiros, Escoteiros/Bandeirantes, Defesa Civil, Cruz Vermelha, CODECA, SAMAE e fiscalizações das secretarias municipais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *