UCS | Concertos ao Entardecer deste domingo terá clarinetista Darkson Magrinelli e soprano norte-americana Lila Keith

Apresentação com entrada franca, na sede social do Recreio da Juventude, contará com participação do pianista Paulo Bergmann

Neste domingo, 28 de julho, serão atrações da série Concertos ao Entardecer – 25 Anos o clarinetista radicado nos Estados Unidos Darkson Magrinelli e a soprano norte-americana Lila Keith. Às 18h, na sede social do Recreio da Juventude, o recital de clarineta e soprano terá ainda a participação de Paulo Bergmann, um dos melhores pianistas gaúchos. A entrada é franca, sendo sugerida a doação de alimentos não perecíveis, que serão destinados ao Lar da Velhice São Francisco de Assis.

Bastante eclético, o repertório se inicia com a execução da Melodia Sentimental, parte integrante da obra A Floresta Amazônica, de Heitor Villa-Lobos. O recital segue com a soprano cantando três canções do compositor francês Francis Poulenc, que foi membro do grupo Les Six. Na sequência, duas obras de compositores contemporâneos, uma ária para soprano do alemão-americano André Previn, e uma peça solo para clarineta chamada Gryphon. Essa peça solo explora a técnica expandida da clarineta utilizando quartos de tom, ruídos, flutter tongue e respiração circular, ainda mantendo o caráter lírico de todo o recital. Em seguida, a soprano volta ao palco cantando três árias de óperas italianas compostas por Giacomo Puccini, e o encerramento ocorre com a execução de um Lied para soprano, clarineta e piano escrito por Franz Schubert intituladoDer Hirt auf dem Felsen/O Pastor na Rocha.

O projeto Concertos ao Entardecer – 25 Anos tem programação até o mês de dezembro. É uma realização do LionsEduC com o apoio da Orquestra Sinfônica da UCS, do Museu Municipal da Prefeitura de Caxias do Sul e do Recreio da Juventude. O financiamento é da Lei Municipal de Incentivo à Cultura de Caxias do Sul, com o apoio cultural da Metadados, Visate e Randon.

Serviço:

Concertos ao Entardecer – Recital de Clarineta e Soprano com Darkson Magrinelli e Lila Keith, e a participação do pianista Paulo Bergmann

Data: 28 de julho de 2019 (domingo)

Horário: 18h

Local: Sede Social do Recreio da Juventude (Rua Pinheiro Machado, 1762)

Entrada franca – Doação de alimentos não perecíveis

publicidade:

 

Lila Keith

A soprano norte-americana tem sido elogiada por sua voz “brilhosa, polida, e precisa” (Voix des arts). Neste último semestre, fez seu debut profissional como papel principal em Humperdinks Hänsel and Gretel na Greensboro Opera. Em paralelo, foi Alice Ford em Verdi’s Falstaff com a University of North Carolina na Greensboro Opera Theatre. Keith foi a vencedora do 2019 Student Artist Competition na UNCG School of Music pela performance da Lia’s aria da L’enfant prodigue composta por Debussy. Keith tem Bacharelado em Música Vocal Performance pela Furman University, mora em Greensboro, Carolina do Norte, e está cursando mestrado na University of North Carolina em Greensboro.

Darkson Magrinelli
O clarinetista começou a estudar música aos nove anos, com a professora Marilene Antunes. Tocou profissionalmente em orquestras no Brasil por mais de dez anos antes de se mudar para a Califórnia, em 2010. Em 2006 e 2007, Magrinelli ganhou o Concurso Jovens Solistas do SESI/FUNDARTE, e em 2013, o Concerto Competition da APU Symphony Orchestra. Como professor, ministra masterclasses pela América do Sul e do Norte e é professor de clarineta no Festival Internacional de Música Guaranda, no Equador. É bacharel em Música pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, com diploma de artista e grau de mestre pela Azusa Pacific University, e com diploma da Escola de Música da OSPA – Conservatório Pablo Komlós. Neste semestre, concluirá o Doutorado em Música pela University of North Carolina, Greensboro, onde também é professor-assistente. Suas recentes apresentações incluem recitais na Carolina do Norte, Tennessee, Itália, Brasil e Equador. Atualmente, Darkson é o segundo clarinetista e claronista da Greensboro Symphony Orchestra e, desde 2018, é um artista da marca Selmer Paris, tocando exclusivamente com as clarinetas Selmer Privilège.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *