BEM BRASILEIRO Léo Ferrarini & Pedrinho Figueiredo – um duo ao piano e flauta.

Toda a musicalidade brasileira. É isto o que será contemplado no show que o duo Léo Ferrarini e Pedrinho Figueiredo estarão apresentando no teatro Pedro Parenti, em fins de julho. Com uma formação que já é uma “entidade” no universo musical – piano e flauta, a dupla promete apresentar clássicos da bossa nova, choro, frevo, toada, milonga, e a boa música erudita brasileira (Villa Lobos), além de um recorte de músicas autorais – ambos são compositores, arranjadores e catedráticos. Composições de Egberto Gismonti, Guinga e Pixinguinha, entre outros grandes nomes da música brasileira estarão sendo apresentadas no show.

Radicado em São Paulo desde 2009, o pianista caxiense Léo Ferrarini avisa que o que norteou a seleção do repertório, foi a busca por uma identificação do público com composições que emocionam. “ É sempre dramático, no Brasil, elaborar uma lista de apenas 10 músicas”, enfatiza.

Pedrinho Figueiredo, flautista que migrou do centro-oeste para o Rio Grande do Sul, está habituado ao palco do teatro Pedro Parenti, onde já apresentou-se no passado recente. “A casa é ótima e o público? Melhor ainda”, diverte-se.

SOBRE OS ARTISTAS

Léo Ferrarini

Pianista, arranjador, professor, pesquisador, natural de Caxias do Sul (RS) e residente em São Paulo desde 2009. Aos oito anos, iniciou estudos em clarineta e saxofone e, aos 13 anos, piano erudito e popular. Formado em piano pelo CDMCC – Conservatório Dramático e Musical Carlos de Campos (Tatuí/SP), atua como pianista, produtor e arranjador em gravações. Realiza trilhas para cinema de curta metragem e documentário. É pianista do Samboré Trio (samba-jazz) e professor e pianista no Jazz Combo do Conservatório de Tatuí (pedagógico/artístico)

Participou de festivais como: Festival de Música de Ourinhos, Painel Instrumental em Tatuí, Festival de Jazz de Santos, I e II Mostra de Jazz/Music SP, Festival Brasil Instrumental, 10° Prêmio Nabor Pires Camargo e o 6° Festival Internacional Jazz à La Calle (Uruguai), Festival Internacional de Jazz La Pataia (Uruguai).

Possui 2 cds autorais: Batedô (2006) e Brejo das Almas (2010). É pesquisador na área da linguagem do piano brasileiro, com autoria do livro “Guia Prático do Piano Brasileiro vol.1 Ernesto Nazareth“, método inédito no Brasil para estudo da linguagem do piano Choro, totalmente dedicado a linguagem de Ernesto Nazareth.

Pedrinho Figueiredo

Flautista, saxofonista, compositor e produtor musical, gravou aproximadamente mil músicas em mais de 450 discos em vinil, cds e dvds. Atuou também como técnico de gravação e produtor musical em cerca de 250 discos e dvds. Trabalha com desenho de som para teatro e diversas áreas do audiovisual – longas e curta-metragens, documentários e especiais para tv.

Com uma atuação com larga abrangência de gêneros, criou o projeto Sobre Rodas de Choro e Chimarrão, que trata de importantes compositores do RS do gênero, integra o grupo de Renato Borghetti há 29 anos, com quem se apresentou em mais de 30 países, tocando mais de 400 concertos só no continente europeu. Em julho de 2017, compôs sua primeira peça sinfônica, “Lua Rosa”, executada pela OSPA. Nesse mesmo ano criou o espetáculo “Sons do Ar”, em duo com Samuca do Acordeon.

Como técnico de sonorização, é o responsável nas apresentações de Renato Borghetti Quarteto, da Orquestra Villa-Lobos, do grupo vocal Expresso 25 e dos projetos Cinemusic Jazz Quartet e 60 Anos de Bossa Nova.

Há 22 anos, escreve arranjos para orquestras de câmara, sinfônicas e bandas sinfônicas, tendo trabalhado com intérpretes regionais e nacionais, como Ivan Lins, Milton Nascimento, MPB 4, Shana Müller, Zé Caradípia, Lenine, Zeca Baleiro, Luiz Carlos Borges, Nelson Coelho de Castro, Vítor Ramil entre outros.

SERVIÇO

O quê: Léo Ferrarini & Pedrinho Figueiredo em piano e flauta

Quando: 31 de julho, quarta-feira, às 20h

Onde: Teatro Pedro Parenti

Ingressos: R$30, antecipado, R$40, inteira e R$20, meia na hora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *