Workshops de Constelações Familiares acontecem em Caxias do Sul em fevereiro

Autoconhecimento e amadurecimento são os principais benefícios dessa metodologia
É comum enfrentarmos conflitos (pessoais e profissionais), doenças e problemas que aparentemente não possuem uma origem específica. Muitas vezes, porém, essas adversidades podem ser explicadas pelo estudo da Constelação Familiar. Essa metodologia de trabalho terapêutico busca acessar a memória ancestral existente e que está implícita no comportamento das pessoas.

Ao analisar gerações de grupos familiares, nota-se uma repetição – normalmente inconsciente – de pensamentos, falas e crenças. Todos esses fatores ajudam a construir o “existir” de uma pessoa. O estudo da Constelação Familiar, portanto, resulta em uma nova percepção a respeito de si mesmo, já que faz com que as pessoas reconheçam a faceta que está encoberta de maneira sutil. Ao se darem conta disso, elas podem se libertar de sentimentos que estão atrapalhando sua rotina e passam a viver de maneira mais coerente e responsável com seus desejos.

Entre os principais benefícios dessa metodologia estão o autoconhecimento e o amadurecimento. A sensação de culpa também diminui, já que a pessoa passa a ter mais liberdade para realizar as suas escolhas. O estudo da Constelação Familiar gera um sentimento de paz em quem se aprofunda, pois a consciência se expande e a responsabilidade pela vida fica mais clara e fluída.

 

Como posso saber mais sobre as Constelações Familiares e assim conhecer melhor a minha história?

As pessoas interessadas nessa importante metodologia de trabalho terapêutico podem buscar atividades de aprofundamento do tema. O Centro de Estudos Avançados em Medicina e Psicologia – Recriar, de Caxias do Sul, promove frequentemente workshops sobre as Constelações Familiares.

As turmas da atividade são pequenas (12 pessoas no máximo) e as aulas abrangemexercícios terapêuticos grupais. Entre os assuntos que podem ser tratados nas atividades estão doenças (físicas e emocionais), sucessos que não satisfazem, fracassos amorosos e profissionais, rebeldia na infância e na adolescência, alcoolismo, perdas fatais e qualquer outro impasse que não permite a pessoa fluir no seu viver.

“O workshop é aberto a qualquer pessoa que tenha o desejo de ampliar o seu olhar para perceber o quanto se é leal aos nossos antepassados. Com a abertura para esse reconhecimento, é possível expandir para a consciência e ver realmente o que é de desejo e pertence a sua motivação na vida”, destaca Simone Boff Boz, psicóloga do Recriar.

Para o começo de 2019, o Recriar já confirmou quatro datas em que serão realizados workshops de Constelação Familiar: 12 e 28 de fevereiro, e 7 e 21 de março. Mais informações podem ser acessadas em:

http://www.recriar.net.br/cursos/ver/89/workshops-terapeuticos-de-constelac%C3%B5es-familiares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *