Empurrado pela torcida, Juventude vence o Sampaio Corrêa

Foto: Arthur Dallegrave/E.C.Juventude

Foi com o apoio da torcida que o Juventude conquistou uma vitória importantíssima diante do Sampaio Corrêa na noite desta sexta-feira (26/10). O Verdão entrou em campo precisando muito da vitória, e debaixo de muita chuva, derrotou os maranhenses por 1×0, no Alfredo Jaconi. Com o resultado, o Juventude chegou aos 35 pontos e passou o próprio rival desta noite na tabela de classificação.

O jogo
A chuva realmente não permitiu que o confronto oferecesse muitas condições técnicas de jogo. E foi assim que o Juventude mostrou que tem muita, mas muita raça. Enquanto o Verdão controlou a maior parte do jogo, as melhores oportunidades do Sampaio Corrêa surgiram apenas em finalizações de longa distância, o que mostrou a qualidade do sistema defensivo alviverde.
Aos onze minutos, Matheus finalizou de longe, a bola ganhou velocidade na grama molhada e Douglas rebateu. O Juventude respondeu aos 15. Após boa troca de passes do Verdão, Caio Rangel cruzou bem, mas o goleiro Andrey apareceu para cortar a jogada.
Mesmo com o campo muito molhado, o Juventude conseguiu colocar a bola no chão e criar grandes chances. Aos 26, após bonita jogada coletiva, Elias encontrou Lucas, que finalizou firme, mas Andrey defendeu e mandou para escanteio. Aos 35, foi a vez de Elias quase marcar. O centroavante girou sobre a marcação e finalizou colocado, da entrada da área. A bola passou próximo a trave direita do goleiro.
Se no primeiro tempo o Juventude criou boas chances e não conseguiu definir, o segundo tempo começou diferente. Logo aos cinco minutos, o juiz marcou falta para o Verdão no lado esquerdo. Hugo Sanches cobrou uma falta cheia de efeito, ninguém desviou e a bola morreu no fundo da rede, no cantinho. 1×0. Buscando o empate, a equipe do Sampaio Corrêa arriscou muito de fora da área. Na melhor das oportunidades, o goleiro Douglas defendeu um forte chute e, no rebote, Julinho cabeceou para fora, em boa oportunidade.
Com mais espaço para jogar, o Juventude criou mais chances para ampliar. Aos 27, Hugo e Mattioni fizeram boa tabela, mas o goleiro defendeu a finalização de Hugo. Aos 36, após nova boa troca de passes, Hugo chegou à linha de fundo e tentou escorar para Douglas, mas a zaga afastou para escanteio. Com a vitória parcial, o Juventude administrou bem o placar e, aos 49 minutos, o juiz finalizou a partida, decretando os três pontos para o Ju e festa geral no Jaconi.
O Verdão volta a campo na próxima quinta-feira (01/11), no estádio Alfredo Jaconi, para enfrentar o Brasil de Pelotas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *