Junho fechou em queda, mas números do comércio estão positivos em 12 meses

Junho fechou com saldo de -7,38%. Já o setor de empregos revelou números positivos com 322 novas contratações

O Termômetro de Vendas de junho de 2018 da CDL Caxias do Sul foi apresentado nesta terça-feira (31/07) à tarde, na CIC Caxias, e lançou as informações da economia do município durante este período. Os dados apresentados demonstram queda no comércio caxiense de -7,38% em relação a maio de 2018. Se comparado ao mesmo mês de 2017, observa-se uma queda de -0,60%.

Conforme o assessor de economia e estatística da entidade, Mosár Leandro Ness, o resultado de junho surpreendeu o setor, que esperava desempenho positivo, passadas as consequências da greve ocorrida em maio. Mesmo assim, espera-se números positivos em relação ao crescimento da economia. “A indústria de transformação segue contratando, a inflação deverá voltar a se estabilizar e a renda dos trabalhadores continua se recuperando, mesmo que de forma lenta. Esses sinais ainda ensejam uma dose de esperança de que a economia continue a crescer e, com isso, o setor se estabilize”, explica.

A boa notícia é que, apesar da queda, o número do acumulado do comércio caxiense em 2018 está positivo. O que traz cautela, mas mostra possibilidade de um segundo semestre com bons resultados. Para o diretor do Núcleo de Pesquisa, Informação e TI, Ricardo Regal Comandulli, o comércio ainda não reagiu conforme o esperado, refletindo aos sinais de recuperação da indústria. “Mesmo que lentamente, o comércio vem mostrando melhora. Apesar do mês de junho não ter sido positivo, estamos bem no acumulado do ano, registrando crescimento de 4,47%”, reforçou.

Inadimplência

O estoque de dívidas no mês de junho apresentou um comportamento inesperado, já que o mesmo retraiu 1,97%, quando os números são comparados ao mês anterior (maio/2018). Em 2018, o estoque de dívidas cresceu 32,42% e em doze meses o crescimento foi de 94,23%. Quando os dados de junho são comparados ao mesmo período do ano anterior (junho/2017) é observado uma variação mensal de 21,25%.

As inclusões de CPFs no SPC também aumentaram em 2,53% em relação ao mesmo período do ano passado (junho/2017) e apresentaram expansão de 0,11% em relação ao mês anterior (maio/2018).

Empregos

A evolução das contratações em Caxias do Sul durante o mês de maio revelou um saldo positivo na ordem de 322 novas vagas. Em doze meses, também houve um acúmulo positivo de 3.577. Com isso, é possível perceber uma queda constante do número de desempregados no município, o que demonstra uma recuperação no quadro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *