O técnico da Bélgica, Roberto Martínez, sabe que terá um grande desafio pela frente contra o Brasil nas quartas de final da Copa do Mundo, nesta sexta-feira, em Kazan.

Não apenas por enfrentar a seleção pentacampeã, mas também por ter Neymar como adversário.

O treinador espanhol elogiou o atacante do Paris Saint-Germain, mas garantiu que tentará mantê-lo “quieto” em campo.

“Neymar é um jogador técnico, um dos grandes expoentes do futebol atualmente, decisivo no um-contra-um. Tentaremos deixá-lo quieto no jogo”, disse Martínez na entrevista prévia ao duelo.

Veja a chave das quartas de final da Copa do Mundo da Rússia© ESPN.com.br Veja a chave das quartas de final da Copa do Mundo da Rússia “Nós respeitamos o Brasil, o trabalho de Tite, mas o jogo é para os jogadores, que devem ser eles mesmos em campo. Da Bélgica, você só terá respeito pelo Brasil e por seu futebol”, continuou.

Sobre seu time, o treinador elogiou um dos principais jogadores do mundo, Eden Hazard.

“É um capitão real, sempre foi ele mesmo. Hazard sempre esteve conosco, tem sido decisivo, sempre vai bem criando situações. Hazard faz o futebol ser bonito de ver jogar”, afirmou.