Melhor idade: atividades físicas e mentais contribuem para o envelhecimento saudável

Uma pesquisa da Sociedade de Geriatria e Gerontologia de São Paulo aponta que 37% da população acima dos 55 anos não se preocupa com o envelhecimento. Segundo a Organização Mundial da Saúde, ser saudável não significa apenas a ausência de doenças, mas também sentir-se bem fisicamente e mentalmente. Com a chegada do envelhecimento as tarefas de trabalho começam a diminuir, mas é importante manter-se em atividade, traçando novos objetivos e dando maior atenção ao comportamento do corpo.

 

A Pesquisa Nacional de Saúde mais recente realizada no Brasil, revelou que os maiores índices de depressão estão entre pessoas a partir dos 60 anos. Um dos fatores apontados para a doença é a solidão, o afastamento da família e o consequente abandono das atividades sociais e de lazer.

 

A docente do Senac Caxias do Sul, Tatiane Pandolfi Sebastião, indica que cultivar um estilo de vida que equilibra a saúde do corpo com os hábitos sociais, interação com amigos e horas de lazer é o ideal para envelhecer de forma plena. “O envelhecer faz parte da vida, por isso, é importante conhecer e se conscientizar para a prática de hábitos saudáveis para curtir a vida com disposição e mais felicidade”, diz.

 

Embora os cuidados com a saúde devam ser tomados em todas as idades, com os idosos a atenção deve ser maior. “Evitar o excesso de bebidas alcoólicas e o fumo, além de reduzir o risco de doenças, melhora a disposição”, esclarece a docente, destacando que preservar a independência melhora a auto estima.

PUBLICIDADE:

Blz Pura Vest

Posted by Sabe Caxias on Thursday, December 21, 2017

 

Tatiane deixa 10 dicas fundamentais para quem quer manter uma rotina saudável e envelhecer com saúde:

 

1- Mantenha a capacidade funcional, para preservar a autonomia e independência pessoal.

2- Não beba em excesso, não fume, evitar ambientes fechados e use proteção solar.

3- Realizar atividades físicas, pois ajudará a controlar a hipertensão, diabetes, estresse, depressão, dores musculares e ainda melhora o sono.

4- Tenha uma alimentação rica em fibras e com pouca gordura.

5- Faça atividades de lazer como passeios, danças, faça amizades.

6- Mantenha o contato e o afeto e valorize sua sexualidade.

7- Conserve seu direito de cidadania e aproveite as oportunidades proporcionadas.

8- Realize atividades intelectuais que preservem a memória, como jogos de raciocínio (xadrez, memória), leia e faça cruzadinhas.

9- Sustente o equilíbrio mental: cultive a espiritualidade.

10- Faça somente uso de medicamentos prescritos pelo seu médico e busque orientações com profissional da saúde.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *