Ju tem boa atuação, mas sofre derrota para o Figueirense na estreia da Série B

Foto: Arthur Dallegrave/E.C.Juventude

Mesmo jogando melhor que o adversário durante a maior parte do jogo, o Juventude acabou sofrendo a derrota por 2 x 1 para o Figueirense, em partida realizada na noite desta sexta-feira (13/04), no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis. Enquanto o time da casa abriu dois gols de vantagem na primeira etapa, Queiroz descontou para o Verdão.

 

O jogo

 

Fora de casa e diante do campeão catarinense, o Juventude até tentou propor o jogo nos primeiros minutos. Administrando bem todas as investidas do Figueirense, o time alviverde fazia uma partida segura e até criou uma oportunidade. Pará cruzou, Fellipe Mateus concluiu sobre a marcação e Jair, no rebote, soltou a bomba, mas para fora. Aos 17, em cobrança de escanteio do Figueira, a bola pingou dentro da área e Zé Antônio apareceu para marcar. 1 x 0.

 

Tentando o empate, o Ju não demorou a assustar o goleiro adversário. Aos 18, Leandro Lima recebeu na entrada da área e chutou, para defesa difícil de Dênis. Aos 22, César Martins apareceu como ponta e cruzou rasteiro. Ricardo Jesus se esticou mas não alcançou, naquela que seria uma grande oportunidade de gol. Mesmo melhor no jogo, o Juventude voltou a sofrer um gol em um lance isolado. Aos 34, Renan cruzou e Ferrareis aproveitou para marcar, de cabeça. 2 x 0.

 

A volta do intervalo apresentou um Juventude superior durante os 45 minutos. Jogando no campo do adversário o tempo todo, o Juventude passou a criar boas chances de marcar. Aos 16, Pará cobrou escanteio e Bertotto subiu para cabecear, por cima. Aos 27, Caio Rangel fez fila na marcação e cruzou para Fellipe Mateus, que chutou firme, para Dênis espalmar.

 

Aos 32, Fellipe Mateus tabelou com Mattioni, que apareceu na linha de fundo e cruzou para trás, onde encontrou Queiroz que, bem posicionado, finalizou de primeira. A bola ainda bateu no pé da trave antes de entrar. 2 x 1. Com mais posse e volume de jogo, o Juventude tentou o empate especialmente na bola aérea, mas o placar não se alteraria.

 

“Apesar da derrota, saio contente com diversos aspectos do nosso jogo. Sofremos os dois gols de forma isolada e precisamos, logicamente, corrigir alguns detalhes. Mas fiquei satisfeito com a produtividade, com a entrega e com inúmeras situações que apresentamos na partida de hoje. Tenho certeza de que temos muito a evoluir e vamos trabalhar nesse sentido, para que possamos buscar os primeiros pontos o quanto antes”, destacou o técnico Julinho Camargo.

 

O Ju volta a campo no próximo dia 20, diante do Oeste, às 19h15min, no estádio Alfredo Jaconi.

 

PUBLICIDADE:

 

CAC Serra

Posted by Sabe Caxias on Friday, March 9, 2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *