Grupo Tholl abre a Maratona Sesc de Circo no próximo domingo

Com a montagem “Cirquin”, grupo Pelotense faz duas apresentações no Teatro Murialdo.
No próximo domingo, o espetáculo “Cirquin”, do consagrado Grupo Tholl de Pelotas, chega a Caxias do Sul para dar a largada à Maratona Sesc de Circo. Com duas sessões no Teatro Murialdo, às 16h e 20h, a atração é um dos destaques do evento que promete tomar conta da cidade entre os dias 15 a 25 de abril. Diversas companhias vão levar cultura, alegria, diversão com a arte circense aos teatros e escolas do munícipio.  Os ingressos da Maratona, em sua maioria, são gratuitos. Mais informações podem ser adquiridas por meio do telefone (54) 3221-5233, site www.sesc-rs.com.br/caxias_do_sul ou página www.facebook.com/sesccaxiasdosul.

Cirquin” é um espetáculo de circo, teatro e dança sobre o amor em diferentes sentidos. Na história, uma trupe familiar liderada pela matriarca Elizabetha terá que ajudar Julieth, uma moça desiludida com um amor do passado, a optar por um dos quatro pretendentes que se apresentam a ela. Porém, cabe ao público a escolha do vencedor. O espetáculo apresenta danças, acrobacias, técnicas circenses e muitos romances numa montagem inspirada no teatro mambembe. Ao utilizar novas técnicas circenses, “Cirquin” remete a um tempo talvez perdido, um tempo de apaixonar-se.

A Maratona surgiu após o sucesso alcançado pelo “Circo nas Escolas”, projeto realizado em 2017 que contou com a participação de mais de mil alunos em quatro dias de evento. Com a intenção de levar o mundo lúdico das artes circenses a crianças e adultos, a “Maratona Sesc de Circo” contempla três projetos do Sesc: Teatro a Mil, Rio Grande no Palco e Palco Giratório. A programação conta ainda com a participação da Cia dos Palhaços do Paraná, que apresentará o espetáculo “Concerto em Ri Maior”, no último dia de mostra (25 de abril). Confira a agenda completa abaixo.

Sobre o Arte Sesc – Cultura por toda parte – Criado pelo Sistema Fecomércio-RS em 2007, o programa reúne todas as atividades culturais desenvolvidas pelo Sesc no Rio Grande do Sul, entre teatro, música, artes plásticas, literatura e cinema. Além de promover uma intensa troca de experiências e ampliar o acesso à produção artística, o Arte Sesc busca ser reconhecido como promotor de ações culturais no Estado, sendo elas não só apresentações artísticas, mas também de caráter formativo e educacional, orientadas por três eixos: transversalidade, diversidade e acessibilidade.

Maratona Sesc de Circo
Data: de 15 a 25 de abril 

15/04 | domingo

Espetáculo Cirquin – Grupo Tholl (Pelotas – RS)
Horário: 16h e 20h
Local: Teatro Murialdo
Classificação: Livre
Duração: 70 min

Ingressos somente no SAC do Sesc
R$ 20,00 – comércio e serviços
R$ 25,00 – empresários, classe artística, estudantes, pessoas acima de 60 anos e UNICAF
R$ 50,00 – público em geral

16/04 | segunda-feira

Espetáculo Circo Z & Z – Ueba Produtos Notáveis (Caxias do Sul – RS)
Horário: 14h
Local: Colégio Estadual Imigrante

Cadê o Circo – Cia Garagem de Teatro (Caxias do Sul – RS)
Horário: 14h
Local: EMEF Prefeito Luciano Corsetti

Oficina de Experimentação Circense Voltada à arte da Palhaçaria | Micheli dos Santos – Cia Espicula (Caxias do Sul – RS)
Horário: 14h
Local: EMEF Mario Quintana

17/04 | terça-feira

Espetáculo Cadê o Circo – Cia Garagem de Teatro (Caxias do Sul – RS)
Horário: 8h30
Local: EMEF Caldas Junior

Zão e Zoraida em Mapa para Brincar – Ueba Produtos Notáveis (Caxias do Sul – RS)
Horário: 14h30
Local: Instituto de Educação Cristóvão de Mendoza

Espetáculo O Andarilho – Cia Garagem de Teatro (Caxias do Sul – RS)
Horário: 14h
Local: EEEM Maria Aracy Trindade Rojas

18/04 | quarta-feira

Espetáculo Um dia uma palhaça – As Graciosas Cia de Palhaças (Caxias do Sul – RS)
Horário: 14h30
Local: EEEM Melvin Jones

19/04 | quinta-feira

Oficina de Figura de Balão com Cristian Beltrán (Caxias do Sul – RS)
Horário: 9h30
Local: Sesc Caxias do Sul (alunos do Programa Habilidades de Estudo)

Espetáculo CIRCOlando por Aí – Cia Espicula (Caxias do Sul – RS)
Horário: 14h
Local: EMEF Presidente Tancredo de Almeida Neves

20/04 | sexta-feira

Espetáculo Cadê o Circo – Cia Garagem de Teatro (Caxias do Sul – RS)
Horário: 14h30
Local: EEEM José Generosi

23/04 | segunda-feira

Oficina de Iniciação a Acrobacia de Solo com Tiago da Luz Trovão (Caxias do Sul – RS)
Horário: 9h
Local: Espaço Cultural Beltrão de Queiróz (Projeto CAE)

Oficina de Figura de Balão com Cristian Beltrán (Caxias do Sul – RS)
Horário: 14h30
Local: Sesc Caxias do Sul (alunos do Programa Habilidades de Estudo)

Oficina de Iniciação a Acrobacia de Solo com Tiago da Luz Trovão (Caxias do Sul – RS)
Horário: 14h
Local: EEEF Dante Marcucci

24/04 | terça-feira

Oficina do Sarrafo – Em Busca da Criança Interior – Cia dos Palhaços (Curitiba – PR)
Horário: 17h às 22h
Local: Sesc Caxias do Sul
20 vagas | pessoas acima de 16 anos
* Inscrições no SAC do Sesc

25/04 | quarta-feira

Circuito Nacional Palco Giratório 2018
Concerto em Ri Maior – Cia dos Palhaços (Curitiba – PR)
Horário: 20h
Local: Teatro Municipal Pedro Parenti (Casa da Cultura)
Classificação: Livre
Duração: 70 min

Ingressos somente no SAC do SESC
R$ 10,00 – comércio e serviços, estudantes, classe artística, pessoas acima de 60 anos
R$ 15,00 – empresários cartão Sesc/Senac e UNICAF
R$ 20,00 – público em geral

Sinopses dos Espetáculos

CIRQUIN
Cirquin apresenta uma apaixonante história de amor. Utilizando novas técnicas circenses, figurinos rústicos e românticos, o espetáculo remete a um tempo talvez perdido, um tempo de apaixonar-se, de permitir-se estar envolto por muita alegria. Inspirada no teatro mambembe, quatro personagens apaixonam-se pela bailarina do circo. Todos viajam em busca do amor, seja no voo das acrobacias, nos movimentos das danças ou nas modalidades circenses desafiadas, num mundo de imagens fortes e alegóricas.

Créditos: Juliano Kirinus

CIRCO Z E Z
Os Palhaços Zão e Zoraida se reencontram e resolvem brincar de circo. Eles dão asas à imaginação e montam um circo, como duas crianças em busca de diversão. Entre as grandes atrações do “Circo ZeZ” eles satirizam números tradicionais, como a mágica, o contorcionismo, além de muitas trapalhadas tentando domar um leão. Entre falhas e acerto, a palhaçaria toma conta da cena e os personagens vivem a ludicidade e inocência das brincadeiras infantis. O erro deles garante o riso da plateia.

Créditos: Bruno Kriger

CADÊ O CIRCO
Voltada para o público infantil, a peça retrata a história dos faxineiros Montanha e Zoinho, que saem à procura do circo, passando de cidade em cidade. Mas as dificuldades fazem com que eles descubram um novo mundo. A amizade, as brincadeiras e as trapalhadas revelam que o circo está dentro deles e assim aprendem juntos a viver e sobreviver andando pela vida. O espetáculo virou filme que estreitou esse ano.

Oficina de Experimentação Circense Voltada à arte da Palhaçaria | Micheli dos Santos – Cia Espicula (Caxias do Sul – RS)
A oficina tem como objetivo a familiarização dos participantes com algumas técnicas usadas no circo tradicional e contemporâneo como foco principal a palhaçaria, através de vivências com jogos lúdicos e comicidade.

Micheli dos Santos, iniciou seus estudos de teatro ainda na infância, ministra aulas de teatro e arte circense, é produtora e palhaça na Cia Espicula, formada em artes, tem como pesquisa a arte da palhaçaria,  Em sua formação cursos, oficinas e workshops de teatro e artes circense, especializando-se em técnicas do palhaço com Lina Della Rocca (Italia) João Artigos( RJ, )Adriano Lurissevich (Venezia – Itália),Iván Prado, (Lugo-Espanha), Márcio Libar( RJ) Aziz Gual ( México), Guga Morales ( SP), Eva Ribeiro ( Portugual),Rodrigo Robleño ( BH),Rodrigo Bastos(MG), Victor Ávalos-Tomate ( Argentina) entre outros. Trabalha com projetos sociais relacionados a arte desde de 2009, por secretarias de cultura, entidades, órgãos, associações e demais grupos. Atualmente com projetos independentes e o espetáculo: CIRCOlando por Aí.

Zão e Zoraida em Mapa para Brincar
O espetáculo apresenta a busca de dois palhaços que se encontram para fazer toda a criançada rir. Munidos de um mapa, Zão e Zoraida interagem com o público em suas confusões na floresta em busca da felicidade eterna. Atrapalhados, até para prisão eles vão sob os olhares atentos das crianças que ajudam a contar essa história fazendo planos com os personagens e descobrindo as surpresas que o caminho do tesouro revela. De forma lúdica e divertida, os palhaços encontram muito mais do que procuravam.

Espetáculo O Andarilho  – Cia Garagem de Teatro (Caxias do Sul – RS)
O trabalho, dirigido e interpretado pelo ator Jânio Nunes da Cia Garagem de Teatro, traz a história de um homem que, após atuar por muitos anos em um circo, resolve mudar sua vida e passa a vagar pelo mundo. Ele leva consigo apenas uma mala com quinquilharias e o resto de roupas que lhe resta e segue atrás de um café, de uma música, misturado às pessoas, mas ainda com um jeito especial de transmitir sua mensagem.

Espetáculo Um dia uma palhaça – As Graciosas Cia de Palhaças (Caxias do Sul – RS)
Primeiro trabalho solo da atriz Odelta Simonetti — Um dia, uma palhaça conta a história dela, a partir da perspectiva do Circus Davidson, conhecido pelos números de alta periculosidade no negócio da família. Para completar a trama, o espetáculo é realizado sobre uma bike-palco, para levar ao público uma imagem mais marginal e desconstruída da palhaça. Rarley passa a vida caminhando na corda bamba, no globo da morte, pulando em copo d’água, colocando a boca na mão do leão, até que um dia é instigada pelo pai a escolher o próprio caminho. Eis o ponto crucial da história.

Oficina de Figura de Balão com Cristian Beltrán (Caxias do Sul – RS)
Atividade voltada a estimular a criatividade, atenção e concentração.

Espetáculo CIRCOlando por Aí – Cia Espicula (Caxias do Sul – RS)
O espetáculo é inspirado nas diversas trupes circenses que viajam pelo mundo em suas pequenas caravanas. O público poderá conferir uma peça de estética híbrida e lúdica, que traz beleza e leveza traduzidas em acrobacias em duo, malabarismos, palhaçadas, música e gags clássicas da palhaçaria.

Oficina de Iniciação a Acrobacia de Solo com Tiago da Luz Trovão (Caxias do Sul – RS)
A proposta é apresentar algumas técnicas básicas de acrobacia de solo como rolamentos, roda, rodante, parada de cabeça e mãos. A proposta é estimular principalmente a coragem, atenção, concentração, equilíbrio, coordenação, força muscular e flexibilidade.

Oficina do Sarrafo – Em Busca da Criança Interior – Cia dos Palhaços (Curitiba – PR)
Objetivo Principal: Brincar

Sobre os ministrantes: Felipe Ternes de Oliveira e Nathalia da Silva Luiz

Depois de doze anos estudando com professores e mestres do Brasil e do mundo, participando de oficinas, cursos, workshop, conversando e discutindo sobre o assunto e principalmente, sobrevivendo como profissional Palhaço, (entendam “profissional” como o indivíduo que tira seu sustento deste ofício, e não “profissional” no sentido do craque da bola, ou atleta de alto nível), descobriram que o Palhaço é a arte de brincar, por isso vários professores e estudiosos citam que se deve buscar a criança interior para se descobrir o Palhaço. É claro! Quem entenderia mais da arte de brincar se não a criança.
Público alvo: Seres humanos com mais de 16 que estejam dispostos a aceitar suas características pessoais, sem medo de colocá-las em evidência. Palhaços atuantes e não atuantes, pessoas atuantes e não atuantes, seres “vivos” que buscam dividir experiências com outros seres e desejam profundamente conhecer seus “poderes” escondidos.

Atividades previstas: – Jogos de improviso; – Exercícios teatrais; – Brincadeiras em roda; – Jogos recreativos; – Improvisações livres.

Circuito Nacional Palco Giratório 2018
Concerto em Ri Maior – Cia dos Palhaços (Curitiba – PR)
Trata-se de uma comédia musical onde o maestro e palhaço Wilson Chevchenco apresenta um concerto baseado em sua origem russa e conta com a ajuda de Sarrafo, seu fiel amigo, para executar as obras de sua família e ser compreendido pela plateia, já que não fala o nosso idioma. O espetáculo apresenta vários instrumentos e conta com muita música, dança, improvisação e participação da plateia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *