O jornal francês ‘L’Equipe’ publicou na capa do jornal deste sábado uma manchete que diz que o PSG está irritado com as declarações do médico da seleção brasileira, Rodrigo Lasmar a respeito da lesão de Neymar. Lasmar disse que o craque sofreu uma fratura completa no pé direito, diferente do diagnóstico dos parisienses, que apontaram uma fissura (fratura incompleta).


Segundo a publicação, a postura de Lasmar causou indignação dentro do PSG. O jornal afirmou que o médico falou em operar Neymar muito rápido, uma maneira de evitar qualquer risco do craque ficar de fora da Copa do Mundo. Uma fonte do clube francês deu uma conversou com jornal.

- A declaração de Rodrigo Lasmar é escandalosa. Ele esperou chegar ao Brasil para falar. Neymar tem uma fissura sem deslocamento e incompleta, quer dizer que uma parte do osso não está fissurada - disse a fonte ao 'L'Equipe'.

O dono do PSG, Nasser Al-Khelaïfi falou com a imprensa na última quarta-feira, após a vitória sobre o Olympique de Marselha, pela Copa da França. O mandatário afirmou que e a decisão de operar Neymar, tomada em conjunto com a seleção brasileira, foi a melhor escolha.

Uma outra fonte ligada ao clube francês também foi ouvida pelo 'L'Equipe e ironizou a postura do médico brasileiro, lembrando que o PSG tem um confronto decisivo contra o Real Madrid, pela Liga dos Campeões, na próxima terça.

- Se o Brasil tivesse um jogo importante, eles teriam feito a mesma coisa que o PSG fez. Quando nãõ há fratura, nós esperamos alguns dias - declarou a fonte.

Veja o vídeo da lesão: